Se apaixonar é como cair num buraco. Simplesmente acontece.

OUTRO DIA li uma matéria sobre 30 coisas a se fazer antes de se apaixonar novamente. O problema, é que os caras ditam regras como se tivesse uma chavinha que você desligasse para simplesmente NÃO SE APAIXONAR. Acontece que os gênios se esquecem que o buraco é bem mais embaixo. Você sai de casa sem a menor pretensão de nada, mas não sabe como vai acabar seu dia. Se apaixonar não é cruzar com um cara gato no elevador do trabalho, muito menos sair curtindo fotos de 1930 de 5 ou 6 carinhas ao mesmo tempo no Instagram. Isso é tiroteio, você lança as balas no escuro e espera um alvo ser atingido. SE APAIXONAR É MUITO PIOR QUE ISSO. É você perceber aquela pessoa mês passado, ficar na sua, perceber aquela pessoa semana retrasada, ficar na sua e, sem nem se tocar, já querer ver novidades aonde nem tem. Você vai alí, e não tem foto nova pra curtir, você sente falta das conversas mais babacas do mundo que vocês tinham e não entende aonde começou toda esta vontade de estar com a pessoa bem agora e, se por acaso, vocês ainda não se “pegaram”, conselho de amiga: Torce para não ser bom, para o beijo dele ser uma merda e para o encontro ser um desastre. Porque parceira, se o cara resolver caprichar na primeira, a confusão tá armada. O que a matéria não entende, é que a paixão acontece do nada, ninguém acorda e diz: Bom dia, hoje eu quero me apaixonar. Ninguém olha para uma pessoa e pensa: Acho que eu quero me apaixonar por ele ou HUM, acho que me apaixonar por este cara seria legal, vou tentar. Não há tentativas. Há somente uma queda livre. Se apaixonar é como cair num buraco. Você está andando na rua, distraído, achando que tá em completa segurança, quando PÁH… sem perceber cai num buraco que estava alí o tempo todo e só você não viu….

MUDE SUA VIDA HOJE – QUEBRE A CADEIRA

O CAVALO ESTÁ PRESO NA CADEIRA porque ele nem imagina a força que tem. Mas afinal, qual é a diferença entre VOCÊ e ESTE CAVALO? Muitas vezes, ficamos presos a certas situações, a relacionamentos FALIDOS e a EMPREGOS que não tem nada a ver com o que gostamos de fazer, presos a uma vida mecânica, de levantar, bater o ponto, pagar contas e voltar pra casa para dormir, porque temos MEDO de jogar tudo para o alto, de dar 1 passo para trás para dar 2 para frente, de largar tudo para abrir o próprio negócio e não dar certo. O relógio não pára. A vida está passando enquanto você está amarrado a esta cadeira. Vai viver assim até quando? Só temos uma chance de viver com qualidade, do nosso jeito, da melhor forma. QUEBRE A CADEIRA.

Qual é a melhor escola de inglês

AFINAL, QUAL É A MELHOR ESCOLA DE INGLÊS?
Você pode não ligar para isso hoje, mas quando quiser fazer um mestrado, um doutorado, ou conseguir a vaga dos seus sonhos, vai se tocar que deveria ter começado lá trás, e que inglês é requisito básico. Óbvio que nada melhor do que fazer um intercâmbio, blábláblá mas isso está completamente fora da realidade de quem trabalha e estuda e não tem um centavo para se quer pensar nisso. E vamos combinar que ninguém quer ficar trancado 4 anos numa escola para no final, chegar nos EUA e ver o povo falando tão rápido que vai sentir que é fluente só aqui no Brasil. Mas, então, qual é a melhor forma de se aprender inglês?
A melhor escola de inglês, com certeza, é a INTERNET:
-Toneladas de sites explicando todo o tipo de coisa da língua inglesa;
-Vídeos feito por falantes nativos (youtube tem milhões de canais bacanas, que ensinam não só inglês mas todas as outras línguas)
-Filmes em inglês com legenda (em inglês);
-Fóruns sobre discussões do inglês;
-Vídeo aulas, seja em português ou inglês;
-Muitos dicionários online pra saber o significado de palavrões e expressões;
-Você pode estudar em qualquer lugar com smarthphones a hora que quiser, até de domingo e de madrugada, sem ter que ficar preso a um horário só.
-Se você não entender, você para,volta e assiste de novo ou procura outro vídeo com outra pessoa explicando de uma forma diferente até você entender.
-VOCÊ NÃO GASTARÁ UM CENTAVO
-Livros de graça, EXERCÍCIOS de graça
-Eu já falei que é de graça?
E o melhor, quem faz o tempo da sua fluência é você! Quanto mais tempo você passar na internet, mais rápido você aprenderá!
Ainda duvida qual é a a melhor escola de inglês?

Como emagrecer comendo

A segunda-feira vai se aproximando, o feriado vai se aproximando, o final do ano vai se aproximando e você começa a ficar desesperado querendo uma maneira fácil e rápida de perder peso, entrar em forma, arrancar a barriga fora pro tal “ah, o verão”. Os mais audaciosos ainda querem trincar a barriga.
Aí, você começa a fazer dietas malucas, corta isso, corta aquilo, começa a tomar sucos que nunca se imaginou ingerindo a não ser em sua forma sólida, com garfo e faca. Dieta da sopa, do suco, da fruta, do carboidrato, do glúten…
Gente, qual é o problema de vocês? Comer só coisas saudáveis é lindo, é sonho de consumo, é estilo de vida, mas se você sempre levou uma vidinha desregrada, é banhado no refrigerante, ama pizza, lanche, não dispensa uma fritura, não queira mudar tudo isso da noite para o dia proque o resultado será desastroso. O seu corpo está acostumado a receber diariamente aquela quantidade de açúcar, de gordura, e se você simplesmente acordar um belo dia e querer ser natureba e cortar tudo isso, tudo o que você vai ganhar é um mau humor danado, falta de disposição, cansaço, tristeza, entre outros. Para nós, que fomos criados a base da realização de nossas vontades alimentícias, o ideal é começar debaixo. Afinal, como fazer então para começar a comer somente coisas saudáveis, perder peso rápido e mudar o estilo de vida, reeducando sua alimentação?
 
1ª Fase
 
O ideal é você começar diminuindo a quantidade do que você come. Nesta primeira fase você vai continuar comendo tudo o que sempre comeu, mas em menores quantidades. Se você no almoço coloca 4 colheres de feijão, 3 de arroz, 2 bifes, comece reduzindo aos poucos para 3 colheres de feijão, 2 de arroz, 1 bife e acrescente mais salada pra compensar o que você deixou de comer. Porque se você só diminuir, daqui meia hora você vai querer comer de novo, então o lance é diminuir e acrescentar no que é saudável, mas sem deixar de comer o que sempre comeu. Se você come meia pizza, coma 3 pedaços, e aposte numa fruta que você goste pra ocupar o espaço do quarto pedaço que você deixou de comer. Nesta primeira fase, você não deixará de comer absolutamente nada do que gosta, somente irá diminuir a quantidade e completar com alguma coisa saudável. Se você tirasse e cortasse tudo de uma vez, você daria um susto no estômago e ele pararia de receber todas as vitaminas, ingredientes, nutrientes, gorduras, açúcares, que ele já estã acostumado e você sentiria na pele o terror diário em sua vida.
Esta primeira fase vai durar o tempo que você achar necessário. Você vai ver seu peso cair na balança sim, porque você estará ingerindo um pouquinho menos do que está acostumado. Quando você se sentir a vontade, vá para a fase 2.
 
2ª Fase
 
Nesta segunda fase, você já está acostumado a comer menos, embora continue comendo tudo o que não presta. Mas o interessante é que comendo menos, seu estômago tende a ir fechando, ou seja, com o passar dos dias, você mesmo não vai aguentar comer tanto mais, mesmo que queira, sentirá aquela sensação de saciamento. Quando você estiver sentindo exatamente isso, comece a substituir algumas coisas, aos poucos. Se você é a louca do refrigerante, já deve ter diminuido na fase 1, ou seja, se tomava 4 latinhas por dia, já deve ter ido para 3. Agora nesta segunda fase, tome 2 latas e substitua a terceira lata por um suco que você goste, ou água de côco. Depois passe a tomar 1 lata de refrigerante e 2 de suco, até você ver a substituição ser completa. Com o doce a mesma coisa. Se comia chocolate todo dia, coma chocolate hoje, uma salada de fruta amanhã, um chocolate depois de amanhã, até substituir pra mais salada de fruta e menos chocolate. Com a pizza, os lanches, batata frita, a mesma história. Comia 4 vezes por semana? Como 3, coma 2, e substitua por outra coisa que você adora, mas que seja mais nutritivo. 
 
3ª Fase
 
Não tenha pressa de passar de fase, isso aqui não é videogame. Mas chegará um momento em que você perceberá que está mudando os hábitos alimentares. Você ainda come lanche, pizza, doces, toma refrigerante, mas bem menos do que antes, e se encontrou em comidas saudáveis que você gosta. O lance não é você seguir uma dieta rigorosa com frutas, verduras, legumes e coisas que você odeia comer. O lance é você investir naquilo que você gosta, sem se importar em quantas calorias tem. Pra quem comia pizza e lanche todo dia, se você investir em um filet de frango com ovo frito e salada com batata, mesmo assim, estará muito melhor, mesmo sabendo que tudo isso pode ter calorias, entende? O ideal não é você parar de vez, nunca mais comer chocolate, abolir de vez o refrigerante, a pizza, os lanches do seu cardápio. A vida é uma só, se dê ao luxo de comer o que tem vontade (ao menos que você tenha alguma doença ou situação clínica em que esteja proibido de ingerir este tipo de alimento, é claro). Coma sempre que tiver vontade, a vontade engorda mais do que deixar de comer, pode ter certeza! Mas nesta fase você perceberá que já é normal comer outras coisas, já é normal comer salada, fruta, tomar suco e água de côco, você já consegue fazer isso naturalmente e sem sofrimento, porque está optando por coisas saudáveis mais que você gosta. Invista no tempero, nos molhos, pelo menos no começo, pra ajudar na salada. Tudo engorda, tudo pesa, tudo tem calorias, o segredo é comer o que você gosta, em pouca quantidade. 
 
E os exercícios?
 
Seria perfeito se você começasse a correr pelo menos meia hora por dia na esteira, nem se for vendo sua novela preferida. Mas muita gente não suporta academia e exercícios físicos. E aí? E aí você pode pensar em outras coisas que gosta, uma aula de dança, uma luta. Passar o dia na piscina, querendo ou não você estará se exercitando, piscina cansa, você se movimenta, embaixo da água não sente o peso do que está fazendo. Mas se mesmo assim você não curte nada disso, vá andar no shopping! Shopping todo mundo gosta. Você pode não perceber, mas o tempo que você leva andando em todos os andares, vendo todas as vitrines, você está caminhando, se movimentando e tenho certeza que você ficará lá por mais de meia hora rodando. Entendeu como funciona a substituição? Você odeia caminhar, correr, andar na esteira, mas esquecesse que pode fazer isso sem perceber andando no shopping, por exemplo! Pega o carro, vá para a praia, caminhe tomando água de côco pela praia, tudo isso são exercícios disfarçados, que você faz sem perceber.
 
Não menos importante…
 
Gente, não sou nutricionista, profissional na área e nem tenho autonomia pra indicar dietas etc. Como podem perceber, não indiquei nenhum tipo de dieta, nenhum alimento. O que quis passar pra vocês é uma maneira que eu encontrei para levar uma vida um pouco mais saudável com o sistema de substituição e diminuição de quantidade, sem deixar de comer o que sempre comeu o que gosta. Sei que muita gente se encontra nesta mesma situação. Quer ficar em forma, e seguir o estilo saudável da moda, mas não consegue. Este texto é para vocês. Obviamente, como citado, se você tem algum problema de saúde onde seja obrigado a cortar estas coisas, siga o seu médico, não invente moda e nem receitas caseira, não copie dieta dada para outras pessoas. Cada corpo funciona de uma forma diferente. E é por isso que quando você procura um endocrinologista, a primeira coisa que ele te pede são exames minunciosos inclusive de sangue, para ele ver quais vitaminas estão sobrando e faltando em seu organismo. Só assim ele consegue montar uma dieta especialmente pro que você precisa. Então, não adianta você pegar emprestada a dieta do seu coleguinha que pagou R$ 500,00 na consulta, pra economizar, porque os alimentos sugeridos pra ele, são as vitaminas que ele necessita, não você. Mas, diminuir o que se come, substituir o que está acostumado a ingerir é prática válida para todos que desejam começar de algum lugar. Espero que vocês consigam e voltem aqui pra me contar depois! 

Da série: Tentando controlar o incontrolável

PODEM tentar controlar com quem você fala, o que você vê, por onde você anda, o que você faz…

MAS se tem uma coisa que JAMAIS vão conseguir CONTROLAR, é o SEU pensamento…. lembranças…. assim…. inesperadamente!  <3