Como emagrecer comendo

A segunda-feira vai se aproximando, o feriado vai se aproximando, o final do ano vai se aproximando e você começa a ficar desesperado querendo uma maneira fácil e rápida de perder peso, entrar em forma, arrancar a barriga fora pro tal “ah, o verão”. Os mais audaciosos ainda querem trincar a barriga.
Aí, você começa a fazer dietas malucas, corta isso, corta aquilo, começa a tomar sucos que nunca se imaginou ingerindo a não ser em sua forma sólida, com garfo e faca. Dieta da sopa, do suco, da fruta, do carboidrato, do glúten…
Gente, qual é o problema de vocês? Comer só coisas saudáveis é lindo, é sonho de consumo, é estilo de vida, mas se você sempre levou uma vidinha desregrada, é banhado no refrigerante, ama pizza, lanche, não dispensa uma fritura, não queira mudar tudo isso da noite para o dia proque o resultado será desastroso. O seu corpo está acostumado a receber diariamente aquela quantidade de açúcar, de gordura, e se você simplesmente acordar um belo dia e querer ser natureba e cortar tudo isso, tudo o que você vai ganhar é um mau humor danado, falta de disposição, cansaço, tristeza, entre outros. Para nós, que fomos criados a base da realização de nossas vontades alimentícias, o ideal é começar debaixo. Afinal, como fazer então para começar a comer somente coisas saudáveis, perder peso rápido e mudar o estilo de vida, reeducando sua alimentação?
 
1ª Fase
 
O ideal é você começar diminuindo a quantidade do que você come. Nesta primeira fase você vai continuar comendo tudo o que sempre comeu, mas em menores quantidades. Se você no almoço coloca 4 colheres de feijão, 3 de arroz, 2 bifes, comece reduzindo aos poucos para 3 colheres de feijão, 2 de arroz, 1 bife e acrescente mais salada pra compensar o que você deixou de comer. Porque se você só diminuir, daqui meia hora você vai querer comer de novo, então o lance é diminuir e acrescentar no que é saudável, mas sem deixar de comer o que sempre comeu. Se você come meia pizza, coma 3 pedaços, e aposte numa fruta que você goste pra ocupar o espaço do quarto pedaço que você deixou de comer. Nesta primeira fase, você não deixará de comer absolutamente nada do que gosta, somente irá diminuir a quantidade e completar com alguma coisa saudável. Se você tirasse e cortasse tudo de uma vez, você daria um susto no estômago e ele pararia de receber todas as vitaminas, ingredientes, nutrientes, gorduras, açúcares, que ele já estã acostumado e você sentiria na pele o terror diário em sua vida.
Esta primeira fase vai durar o tempo que você achar necessário. Você vai ver seu peso cair na balança sim, porque você estará ingerindo um pouquinho menos do que está acostumado. Quando você se sentir a vontade, vá para a fase 2.
 
2ª Fase
 
Nesta segunda fase, você já está acostumado a comer menos, embora continue comendo tudo o que não presta. Mas o interessante é que comendo menos, seu estômago tende a ir fechando, ou seja, com o passar dos dias, você mesmo não vai aguentar comer tanto mais, mesmo que queira, sentirá aquela sensação de saciamento. Quando você estiver sentindo exatamente isso, comece a substituir algumas coisas, aos poucos. Se você é a louca do refrigerante, já deve ter diminuido na fase 1, ou seja, se tomava 4 latinhas por dia, já deve ter ido para 3. Agora nesta segunda fase, tome 2 latas e substitua a terceira lata por um suco que você goste, ou água de côco. Depois passe a tomar 1 lata de refrigerante e 2 de suco, até você ver a substituição ser completa. Com o doce a mesma coisa. Se comia chocolate todo dia, coma chocolate hoje, uma salada de fruta amanhã, um chocolate depois de amanhã, até substituir pra mais salada de fruta e menos chocolate. Com a pizza, os lanches, batata frita, a mesma história. Comia 4 vezes por semana? Como 3, coma 2, e substitua por outra coisa que você adora, mas que seja mais nutritivo. 
 
3ª Fase
 
Não tenha pressa de passar de fase, isso aqui não é videogame. Mas chegará um momento em que você perceberá que está mudando os hábitos alimentares. Você ainda come lanche, pizza, doces, toma refrigerante, mas bem menos do que antes, e se encontrou em comidas saudáveis que você gosta. O lance não é você seguir uma dieta rigorosa com frutas, verduras, legumes e coisas que você odeia comer. O lance é você investir naquilo que você gosta, sem se importar em quantas calorias tem. Pra quem comia pizza e lanche todo dia, se você investir em um filet de frango com ovo frito e salada com batata, mesmo assim, estará muito melhor, mesmo sabendo que tudo isso pode ter calorias, entende? O ideal não é você parar de vez, nunca mais comer chocolate, abolir de vez o refrigerante, a pizza, os lanches do seu cardápio. A vida é uma só, se dê ao luxo de comer o que tem vontade (ao menos que você tenha alguma doença ou situação clínica em que esteja proibido de ingerir este tipo de alimento, é claro). Coma sempre que tiver vontade, a vontade engorda mais do que deixar de comer, pode ter certeza! Mas nesta fase você perceberá que já é normal comer outras coisas, já é normal comer salada, fruta, tomar suco e água de côco, você já consegue fazer isso naturalmente e sem sofrimento, porque está optando por coisas saudáveis mais que você gosta. Invista no tempero, nos molhos, pelo menos no começo, pra ajudar na salada. Tudo engorda, tudo pesa, tudo tem calorias, o segredo é comer o que você gosta, em pouca quantidade. 
 
E os exercícios?
 
Seria perfeito se você começasse a correr pelo menos meia hora por dia na esteira, nem se for vendo sua novela preferida. Mas muita gente não suporta academia e exercícios físicos. E aí? E aí você pode pensar em outras coisas que gosta, uma aula de dança, uma luta. Passar o dia na piscina, querendo ou não você estará se exercitando, piscina cansa, você se movimenta, embaixo da água não sente o peso do que está fazendo. Mas se mesmo assim você não curte nada disso, vá andar no shopping! Shopping todo mundo gosta. Você pode não perceber, mas o tempo que você leva andando em todos os andares, vendo todas as vitrines, você está caminhando, se movimentando e tenho certeza que você ficará lá por mais de meia hora rodando. Entendeu como funciona a substituição? Você odeia caminhar, correr, andar na esteira, mas esquecesse que pode fazer isso sem perceber andando no shopping, por exemplo! Pega o carro, vá para a praia, caminhe tomando água de côco pela praia, tudo isso são exercícios disfarçados, que você faz sem perceber.
 
Não menos importante…
 
Gente, não sou nutricionista, profissional na área e nem tenho autonomia pra indicar dietas etc. Como podem perceber, não indiquei nenhum tipo de dieta, nenhum alimento. O que quis passar pra vocês é uma maneira que eu encontrei para levar uma vida um pouco mais saudável com o sistema de substituição e diminuição de quantidade, sem deixar de comer o que sempre comeu o que gosta. Sei que muita gente se encontra nesta mesma situação. Quer ficar em forma, e seguir o estilo saudável da moda, mas não consegue. Este texto é para vocês. Obviamente, como citado, se você tem algum problema de saúde onde seja obrigado a cortar estas coisas, siga o seu médico, não invente moda e nem receitas caseira, não copie dieta dada para outras pessoas. Cada corpo funciona de uma forma diferente. E é por isso que quando você procura um endocrinologista, a primeira coisa que ele te pede são exames minunciosos inclusive de sangue, para ele ver quais vitaminas estão sobrando e faltando em seu organismo. Só assim ele consegue montar uma dieta especialmente pro que você precisa. Então, não adianta você pegar emprestada a dieta do seu coleguinha que pagou R$ 500,00 na consulta, pra economizar, porque os alimentos sugeridos pra ele, são as vitaminas que ele necessita, não você. Mas, diminuir o que se come, substituir o que está acostumado a ingerir é prática válida para todos que desejam começar de algum lugar. Espero que vocês consigam e voltem aqui pra me contar depois! 

Deixe o seu comentário!